Contactos

lellys tattoo

  • Pessoa de contato: Nello Lucente Netto
  • Telefone: +55 (16) 99155-87-63
  • MSN: nellolucente@hotmail.com
  • Endereço postal: Brasilina de Camargo Nº 29, Taquaritinga sp, São Paulo, 15900-000, Brasil

Horário de funcionamento

Renovações do site

Lellis tattoo Art Urbana

Tatuagem artisticas de primera qualidade tudo esterelizado em altoclave seguindo as nolmas de seguraça assim garantindo um serviço de qualidade e segurança ao cliente…As tintas usadas para tatuagem ganharam normas sanitárias
Até bem pouco tempo, o assunto tatuagem era ignorado pela medicina. Hoje já existe uma série de regras que visam deixar o procedimento mais seguro e evitar problemas graves como alergias, intoxicações e até queimaduras. A norma mais recente ficou em discussão por mais de três anos e só em fevereiro saiu do papel.
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou que todas as tintas usadas pelos estúdios precisam ter registro sanitário, assim como o restante dos materiais, como agulhas e jatos. Até então, não havia nenhuma regulamentação quanto às tintas. Por conta disso, pigmentos usados para pintar carros, tinta de caneta e até substâncias tóxicas e excessos de metais podiam frequentar os salões dos tatuadores.

“Eu acho ótimo que essa regulamentação tenha saído. As pessoas agora podem procurar profissionais de qualidade, que usam materiais certificados e coibir muita coisa errada que tem por aí, como o uso de tintas automotivas, por exemplo”, afirmou Sérgio Maciel, o Led’s, um dos tatuadores mais conhecido de São Paulo. “Tatuagem é arte, mas também é saúde. Não dá para estas duas áreas andarem separadas.”

A nova regulamentação da Anvisa sobre o registro das tintas entrou em vigor há quase quatro meses e, até agora, apenas uma empresa conseguiu o aval sanitário, informou a agência. Uma outra está em fase de análise e todos os aspectos técnicos são analisados.

Para o diretor do Sindicato dos Tatuadores, Rodrigo Pires Cardozo (do Rodrigo Tatoo Clinic, em Mogi das Cruzes, São Paulo), as regras sanitárias só seriam válidas se viessem acompanhadas da regulamentação da profissão. “É válido a Anvisa se preocupar com a qualidade dos materiais utilizados, mas é ainda mais urgente a profissão sair da informalidade”, acredita Cardozo. “Nós que trabalhamos certinho sofremos com a concorrência desleal de pessoas que saem por aí tatuando sem a menor preocupação com higiene e colocam em risco a população”, disse, acrescentando que, com a profissão regulamentada, os interessados em fazer tatuagens precisariam passar por cursos de capacitação de biossegurança, entre outros. Um projeto de lei está em andamento para regularizar a profissão.

Preços mais baratos

O primeiro indício da tatuagem perigosa é o preço muito barato. Por isso são os próprios tatuadores que orientam uma pesquisa de mercado antes de cair em alguma armadilha. O valor do trabalho também pode ser influenciado pela utilização de tintas de procedência não garantida, então vale questionar este aspecto antes de escolher o desenho.

Além do certificado das tintas, o Departamento de Direito de Defesa do Consumidor, ligado ao Ministério da Justiça, orienta que é preciso verificar se o espaço é liberado pela vigilância municipal pra funcionar, observar a higiene do tatuador e o uso de máscaras e luvas. Além disso, vale fazer um check-up da própria saúde antes de recorrer às tatoos.

As dicas da Anvisa e do Ministério da Justiça para a tatuagem

Antes de fazer a tatuagem verifique
– Se o local está limpo e organizado
– Se há aviso por escrito quanto aos riscos causados pelo material e/ou substâncias
– Se o profissional lava as mãos com água e sabão, seguido de aplicação de álcool a 70%
– Se é realizada a limpeza da pele do cliente com água potável e sabão líquido, seguida de aplicação de antisséptico (álcool a 70%, PVPI), entre outros
– Se o profissional utiliza luvas descartáveis e máscara no momento da realização do serviço

Lembrete: Tatuagem e colocação de piercing somente poderão ser feitos em menores de idade com autorização dos pais

Observações quanto aos materiais:
– As agulhas para colocação do piercing ou aplicação da tinta de tatuagem, lâminas ou aparelhos para raspagem de pêlos devem ser descartáveis
– Outros materiais que não são descartáveis deverão estar limpos e desinfetados com álcool 70%
– A tinta utilizada na tatuagem não pode ser tóxica e deve ser registrada na Anvisa
– Os materiais utilizados devem estar guardados em local limpo, organizado, fechado e sem umidade

Antes de fazer a tatuagem peça ao seu médico testes de:
– Aids
– Hepatites B e C
– Tétano
– Sífilis

Não devem fazer tatuagens pessoas que têm:

  • Sangramentos intensos (hemorragias)
  • Infecções graves
  • Comprometimento das vias aéreas superiores (dificultando a respiração e a fala)
  • Fratura dental com traumas na mucosa, gengiva e céu da boca
  • Inflamações crônicas e quelóides
Vitrina